-->


Home / Notícias / Unafisco na Mídia
01/08/2008 - RFB
DCI
Rachid deixa a Receita e Lina Vieira assume

BRASÍLIA - A Secretaria da Receita Federal mudou ontem de comando. De acordo com a assessoria do Ministério da Fazenda, e sem divulgar detalhes sobre os motivos da exoneração, Jorge Rachid deixou o cargo e em seu lugar assume Lina Vieira que, assim como o antecessor, é funcionária de carreira do órgão. Rachid estava no cargo desde o início de 2003, confirmado, na ocasião, pelo ex-ministro Antonio Palocci. Ele entrou no lugar de Everardo Maciel, comandante do Fisco na gestão Fernando Henrique Cardoso. Em curta nota à imprensa, o ministro da Fazenda, Guido Mantega, apenas destacou os "excelentes serviços prestados ao país por Jorge Rachid, há muitos anos dirigindo a instituição".

No lugar de Rachid entra a superintendente regional da 4ª Região Fiscal da Receita Federal, Lina Maria Vieira, que é funcionária de carreira desde 1976, tendo sido por duas vezes secretária da Fazenda do Rio Grande do Norte. É presidente do Fórum Fiscal dos Estados Brasileiros e já foi representante do Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz), que reúne os secretários de Fazenda dos estados brasileiros.

A escolha de uma auditora de carreira para substituir Rachid no comando da Receita Federal diminui o risco de politização do órgão. A avaliação é do presidente do Sindicato Nacional dos Auditores-Fiscais da Receita (Unafisco), Pedro Delarue. Ele foi recebido ontem pela secretária Lina Vieira. Para Delarue, a saída de Rachid não está relacionada ao fim da declaração de isento do Imposto de Renda e as suspeitas de favorecimento na licitação de 33 máquinas de raios X para rastrear contêineres nos portos brasileiros. Segundo ele, a substituição representa a troca da cúpula do Ministério da Fazenda por Mantega.

"O Rachid era adjunto do Everardo Maciel secretário da Receita no governo do ex-presidente Fernando Henrique e foi nomeado por Antonio Palocci ministro da Fazenda no primeiro mandato do presidente Luiz Inácio Lula da Silva", explicou Delarue. "Depois de 13 anos de uma linha de administração, é natural um desgaste", acrescentou. O presidente da Unafisco disse ser compreensível que após três anos frente do Ministério da Fazenda, Mantega decida botar pessoas de confiança na Receita Federal. "O tempo que a nova secretária passou como superintendente pode ter sido um estágio para o novo cargo", observou. Desde junho de 2007, Lina Vieira ocupava a Superintendência da Receita na 4ª Região, com sede em Recife. De acordo com Delarue, a experiência de Lina não apenas na Receita, mas em outros órgãos, mostra a capacidade dela em administrar a arrecadação federal e combater a sonegação.


 
 
voltar para índice de boletins Parlamentares