-->


Home
Brasília, 09 de janeiro de 2009

ANO XIV

Nº 2762

     

Férias Vendidas
Unafisco prepara simulador para orientar contribuinte

O Unafisco vai disponibilizar dentro de alguns dias, na página do Sindicato, um simulador para ajudar os contribuintes a calcularem a restituição de IRPF (Imposto de Renda Pessoa Física) relativo aos dez dias de férias vendidos que não serão mais tributados.

Quem tiver vendido férias a partir de 2006 vai poder inserir os dados financeiros no simulador para saber o valor a ser recebido. Lá, também haverá um link para o site da RFB (Receita Federal do Brasil), a fim de que o contribuinte possa efetuar a retificação de sua declaração.

A iniciativa do Unafisco se deve às notícias publicadas pela RFB informando que férias vendidas passarão a ser consideradas como rendimentos não-tributáveis.

O presidente do Unafisco, Pedro Delarue, avalia a solução de forma positiva. “A decisão vai diminuir as demandas judiciais da Receita Federal neste sentido, economizando tempo e dinheiro.” Ele também considera justa a não-tributação da venda de férias, por ser de caráter indenizatório.

INÍCIO

Dezembro/08
DEN presta contas do fundo de corte de ponto

A DEN (Diretoria Executiva Nacional) divulga hoje na Área Restrita do site do Unafisco a prestação de contas atualizada do fundo de corte de ponto, referente ao mês de dezembro de 2008.

Os recursos, captados com a aprovação da Assembléia Nacional, estão sendo usados para ressarcir os Auditores-Fiscais que tiveram descontados de seus vencimentos os dias não-trabalhados em função da greve deflagrada pela Classe durante a Campanha Salarial.

Graças à unidade dos Auditores-Fiscais, o fundo de corte do ponto está cumprindo plenamente sua finalidade.

A Diretoria está avaliando a necessidade de realizar a cobrança de mais uma cota extra para recompor o fundo de corte de ponto, já autorizada por Assembléia da Classe.

INÍCIO

Fiscalização
Receita apreende 7.500 maços de cigarros paraguaios

Um dia depois de apreender 14 quilos de maconha na bolsa de uma mulher, a Inspetoria da RFB (Receita Federal do Brasil) na cidade de Guaíra (PR) apreendeu 7.500 maços de cigarro paraguaios.

A inspeção aconteceu na Aduana do Porto Sete Quedas. O produto estava sob lonas, no porta-malas de um automóvel que fazia a travessia de Salto Del Guairá (Paraguai) a Guaíra via balsa. O veículo e os cigarros foram encaminhados ao depósito de mercadorias apreendidas da RFB.

INÍCIO

Publicação
Livro de Auditor continua à venda

A DS (Delegacia Sindical) Santos (SP) informa que o último livro do Auditor-Fiscal aposentado Henrique O. Marconi, "Um Palheiro para a Agulha II e outros Contos", está à venda na Livraria Cultura, no shopping Conjunto Nacional, em São Paulo. A publicação também está disponível em Santos (SP), na banca de revistas na esquina da Av. Conselheiro Nébias com a rua Epitácio Pessoa.

O Auditor já publicou outros dois livros intitulados "São contos que eu conto" e "Um palheiro para a agulha e outras histórias". Auditores-Fiscais de outras localidades interessados em adquirir o livro podem entrar em contato com a DS/Santos. Informações pelo telefone (13) 3251 5757.

Henrique Marconi se aposentou na Inspetoria da Receita Federal, em Santos, após ter concluído curso de pós-graduação em Direito Tributário na Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, e ter sido conselheiro no Primeiro Conselho de Contribuintes (Sexta Câmara), em Brasília (DF).

INÍCIO

 

DIRETORIA EXECUTIVA NACIONAL

 

 

Dezembro/08
DEN presta contas do fundo de corte de ponto

Fiscalização
Receita apreende 7.500 maços de cigarros paraguaios
Publicação
Livro de Auditor continua à venda
   
   

Boletim em
formato word