-->


Home
Brasília, 5 de maio de 2008

ANO XIII

Nº 2591

     

Assembléia Nacional
Auditores decidem manter greve

Depois de dois dias de apurações dos votos da Assembléia Nacional Conjunta da última quarta-feira (30/4), é possível concluir de forma oficial que os Auditores-Fiscais decidiram pela manutenção da greve iniciada em 18 de março.

Mais de cinco mil Auditores filiados ao Unafisco e à Fenafisp (Federação Nacional dos Auditores-Fiscais da Receita Federal do Brasil) manifestaram suas opiniões. Deste total, 55% dos votantes deliberaram pela continuidade do movimento, buscando avanços na pauta de negociação com o Governo.

Antes e depois de deflagrar a greve, os Auditores não pouparam esforços na tentativa de chegar a um entendimento acerca das reivindicações da Classe pelo diálogo. Trabalho parlamentar, paralisações por tempo determinado e indeterminado, atos-públicos, plenárias nacionais e várias Assembléias de âmbito nacional foram algumas das estratégias utilizadas a fim de se alcançar os objetivos da Classe.

Ao longo de 48 dias de intensa mobilização, a unidade foi a marca do movimento. A maciça participação na última Assembléia ratificou o espírito de união que, em poucos dias, transformou a paralisação na maior greve da Receita Federal.

Para a DEN (Diretoria Executiva Nacional), assim como para a direção da Fenafisp, neste momento a coesão dos Auditores é imprescindível, de forma a materializar a merecida valorização dos Auditores.

Portanto, como afirmam as duas entidades em carta conjunta que pode ser lida anexa a este Boletim, “a nenhum Auditor-Fiscal, Delegacia Sindical ou Sindicato, cabe questionar o resultado do debate democrático realizado, que é claro: a Classe, no seu conjunto, neste momento prefere a manutenção da greve”.

Diante desta realidade, Unafisco e Fenafisp conclamam todos os Auditores-Fiscais a “arregaçarem as mangas” a fim de reforçar o movimento e, de forma coesa, implementar o decidido em Assembléia. Esta semana será decisiva para a luta da Classe. A unidade é a chave para o sucesso.

Uma matéria detalhada sobre o resultado da Assembléia Nacional está disponível na Área Restrita do site.

 

INÍCIO

Recife
Maioria dos Auditores aprova declarações de votos

Na Assembléia Nacional realizada na última quarta-feira (30/4), em Recife (PE), a ampla maioria dos Auditores-Fiscais presentes aprovou declarações de voto a cerca do indicativo 1A e 2.

No primeiro caso, os Auditores pernambucanos sugerem mudanças no texto proposto pelo CNM (Comando Nacional de Mobilização) em relação ao sistema de avaliação de desempenho para efeitos de promoção e progressão.

Já a declaração de voto do indicativo 2 estabelece uma ressalva para a proposição. As mudanças encaminhadas pela DS (Delegacia Sindical) Recife podem ser lidas anexas a este Boletim.

INÍCIO


Jundiaí
Moção repudia tentativas de retaliação à greve

Na Assembléia Nacional da última quarta-feira (30/4), os Auditores-Fiscais de Jundiaí (SP) aprovaram moção de repúdio a qualquer ato ou tentativa de retaliação por parte da Administração em razão da greve da Classe.

Segue moção anexa.

INÍCIO

FOTO LEGENDA

Belo Horizonte 1.jpg

Belo Horizonte – A Assembléia Nacional (30/4) na capital mineira teve presença recorde. Os Auditores-Fiscais deliberaram a favor do indicativo 1 e do fundo de corte de ponto. De acordo com informações repassadas pela DS (Delegacia Sindical), foi aprovada também a disponibilização das aplicações financeiras da Delegacia para reforço do fundo.

 

INÍCIO

 

Rio de Janeiro
Auditores aprovam manifesto

Na última Assembléia Nacional, na quarta-feira (30/4), os Auditores-Fiscais do Rio de Janeiro aprovaram um manifesto no qual apresentam quatro ressalvas acerca dos indicativos colocados em votação.

Confira anexa íntegra do manifesto.

 

INÍCIO

Mobilização
Santos reforça imagem positiva da Classe na mídia

A DS (Delegacia Sindical) Santos (SP) tem buscado ocupar o espaço aberto pelos diversos veículos de comunicação ao longo do movimento grevista para esclarecer sobre a importância do cargo de Auditor-Fiscal e obter o respeito da sociedade.

O resultado são dezenas de matérias publicadas e mais de uma hora de notícias veiculadas em emissoras de rádios e de TV, algumas das quais podem ser conferidas na página www.unafiscosantos.org.br, na seção Mídias.

Confira anexa íntegra da nota encaminhada pela DS sobre o assunto.

INÍCIO

 

Mídia
DS Salvador rebate matéria do Jornal A Tarde

A DS (Delegacia Sindical) Salvador (BA) encaminhou à redação do Jornal A Tarde esclarecimentos sobre matéria divulgada no dia 30 de abril, com o título “Greve dos Auditores prejudica importações”.

Um dos pontos tratados na nota diz respeito à declaração da delegada sindical do Sindireceita na Bahia, Gleciara Ramos, de que “a banalização da greve na aduana prejudica o País”, publicada no Jornal. A nota da DS afirma:

“Lembramos que os auditores fiscais somente decidiram entrar em greve após 7 meses e mais de 20 reuniões com o Governo, onde as propostas apresentadas por este último foram sucessivamente pioradas, levando ao impasse. Por outro lado, este tipo de declaração é muito comum vindo da Administração, a qual tem como objetivo natural enfraquecer a mobilização dos servidores, causando-nos surpresa e repulsa quando outra entidade sindical de trabalhadores - no caso em questão, o Sindireceita - se coloca dessa forma.”

Confira nota de esclarecimento e matéria publicada no Jornal A Tarde anexas.

 

INÍCIO

Salvador
DS envia manifesto aprovado em Assembléia

A DS (Delegacia Sindical) Salvador (BA) envia manifesto com considerações sobre o movimento grevista aprovado na Assembléia Nacional, realizada quarta-feira (30/4).

Segue documento anexo.

INÍCIO

 


Greve
Senador Flexa Ribeiro se compromete a fazer pronunciamento no Congresso

O trabalho parlamentar local dos Auditores-Fiscais paraenses começou na manhã de sexta-feira (2/5), com uma reunião do Comando Regional de Mobilização com o senador Flexa Ribeiro (PSDB/PA).

O parlamentar se comprometeu a defender no plenário do Senado Federal, em pronunciamento, pontos da pauta de reivindicações da Classe.

Programação - A agenda de encontros da DS (Delegacia Sindical) Pará tem continuidade hoje, com mais seis reuniões marcadas com o senador José Nery (PSOL) e os deputados Zenaldo Coutinho (PSDB), Lúcio Vale (PR), Gerson Peres (PP), Zequinha Marinho (PMDB) e Zé Geraldo (PT). No decorrer da semana, a previsão é de que novas reuniões sejam agendadas em busca de apoio dos parlamentares paraenses.

Confira anexa íntegra da nota encaminhada pela DS.

INÍCIO

 

DIRETORIA EXECUTIVA NACIONAL

Recife
Maioria dos Auditores aprova declarações de votos

Jundiaí
Moção repudia tentativas de retaliação à greve
FOTO LEGENDA
Rio de Janeiro
Auditores aprovam manifesto
Mobilização
Santos reforça imagem positiva da Classe na mídia
Mídia
DS Salvador rebate matéria do Jornal A Tarde
Salvador
DS envia manifesto aprovado em Assembléia
Greve
Senador Flexa Ribeiro se compromete a fazer pronunciamento no Congresso
   
   

Boletim em
formato word