-->


Home
Brasília, 23 de abril de 2008

ANO XIII

Nº 2584

     

Nota à imprensa
Presidente do Unafisco esclarece informações equivocadas publicadas em jornal

O Boletim Informativo publica abaixo nota de esclarecimento enviada no início da tarde de ontem (22/4) à imprensa sobre matéria publicada na edição dessa segunda-feira do jornal “O Estado de São Paulo”, que veiculou equivocadamente declarações do presidente do Unafisco, Pedro Delarue, fazendo interpretações incorretas. Tão logo foi repassada à mídia, no início da tarde de ontem, a nota repercutiu nos principais sites de notícia do país, que publicaram matérias sobre o assunto: Agência Estado, Agência Brasil, Portal Exame, site G1 (do Globo) e CorreioWeb.

Nota à Imprensa

Com relação à reportagem intitulada “Auditores devem aceitar proposta para salários”, publicada na edição de hoje (22/04) do jornal “O Estado de São Paulo”, o presidente do Unafisco (Sindicato Nacional dos Auditores-Fiscais da Receita Federal do Brasil), Pedro Delarue, esclarece que:

  1. Houve interpretação equivocada por parte do jornalista que, no texto, induz a uma interpretação de que os Auditores deveriam aceitar a proposta elaborada pelo Governo, posição completamente contrária ao entendimento da Diretoria do Unafisco.
  2. Na realidade, o que se queria ressaltar é que o Governo precisa ceder pouco para alcançar propostas compatíveis com as reivindicações da categoria, como, por exemplo, no que diz respeito à questão salarial, cuja distância entre o que o Governo oferece hoje e o que o próprio Governo ofereceu no ano passado é de apenas R$ 450,00.
  3. Outro ponto relevante é a separação das negociações sobre campanha salarial da discussão sobre alterações na forma de avaliação do desempenho dos Auditores-Fiscais para promoção na carreira – cuja proposta do governo não tem aceitação da categoria devido aos riscos para a impessoalidade que deve ser observada pelo Auditor-fiscal no desempenho de suas funções. A separação dos pontos de debate favorece a análise mais cuidadosa da questão que, no entendimento da categoria, não pode ser discutida de afogadilho. Para solucionar o impasse, o Governo deve aceitar que os assuntos sejam discutidos separadamente, fora do âmbito salarial, e que seja observada a impessoalidade que deve nortear a ação da fiscalização tributária.
  4. A transposição de Auditores-Fiscais de classes iniciais para padrões hoje desocupados na tabela remuneratória é outro ponto que o Governo já tinha aceitado em negociações anteriores, mas retirou da proposta na última reunião.
  5. O cronograma para a implantação do reajuste também tem levado ao atraso na resolução das negociações. O Governo insiste em um calendário de reajustes com término em julho de 2010, enquanto os Auditores-Fiscais reivindicam que a data final seja abril de 2009.
  6. Por esses motivos, a categoria entende que, a depender da boa vontade do Governo, estão colocadas as condições para um entendimento. Afinal, no momento a solução não depende apenas dos Auditores-Fiscais, que ao longo de oito meses sempre estiveram à disposição para negociar.

Vale lembrar que os Auditores estão dispostos, como sempre estiveram, a continuar desempenhando o seu estratégico papel de garantir a arrecadação, combater a sonegação e promover o fluxo do comércio exterior brasileiro.

 

Pedro Delarue
Presidente do Unafisco Sindical

 

 

INÍCIO

Manifestação
Ato Público será realizado na próxima quinta-feira

Na última sexta-feira (18/4), 82,29% da Classe aprovou a realização, na próxima quinta-feira (24/4), de um Ato Público, em Brasília, em frente ao Ministério do Planejamento. Também foi aprovada a realização de trabalho parlamentar no Congresso Nacional logo após a manifestação. Veja abaixo convocatória do CNM (Comando Nacional de Mobilização).

CNM convoca Auditores Fiscais à Brasília para o Ato Público e para fortalecimento do trabalho parlamentar

 

O CNM na semana de 14 a 18/04, em consenso com as direções do Unafisco e da Fenafisp, propôs o indicativo sobre a realização de Ato Público e trabalho parlamentar com o objetivo de abrir canal de interlocução efetiva, que permita destravar o impasse nas negociações, julgando ser esta semana estratégica para nossa mobilização. O indicativo foi aprovado por ampla maioria pela Assembléia Nacional Conjunta de 18 de abril.

Assim, os Auditores Fiscais reunidos no plantão do CNM convocam os colegas a participarem das atividades em Brasília nesta quarta e quinta-feira, iniciando, se possível, os contatos com os parlamentares a partir de seus escritórios nos seus estados e finalizando-os com audiências em seus gabinetes no parlamento.

A realização de um grande ato público, aliado a um trabalho parlamentar, propiciará a visibilidade à nossa mobilização e potencializará a pressão sobre o governo.

O CNM recomenda o deslocamento dos que vierem para o ato já na quarta-feira pela manhã, com vistas a iniciar na própria quarta-feira os contatos parlamentares. O ato está marcado às 9:30 horas de quinta-feira, 24/04/2008, em frente ao Ministério do Planejamento. À tarde, a partir das 14h30min, o trabalho parlamentar terá prosseguimento no Congresso Nacional.

 

Comando Nacional de Mobilização

 

 

INÍCIO

Mobilização
DEN convoca para Assembléia Nacional Extraordinária

A DEN (Diretoria Executiva Nacional) convoca os Auditores-Fiscais de todo o Brasil a participarem de Assembléia Nacional Extraordinária, na próxima sexta-feira (25/4). Os principais pontos da pauta são informes gerais, análise de conjuntura e Campanha Salarial.

Os locais e horários das Assembléias devem ser determinados e amplamente divulgados pelas Delegacias Sindicais e Representações. A convocatória está anexa a este Boletim e no Quadro de Avisos do site.

 

INÍCIO

Apuração
Segunda parcial confirma rejeição de proposta

A proposta de reajuste apresentada pelo Governo no último dia 15 foi reprovada por ampla maioria, 93,98% dos Auditores-Fiscais. No segundo dia de apuração já foram contabilizados 3.761 votos de 89 DSs (Delegacias Sindicais) e representações do Unafisco em todo país. Apenas 6,01% dos votantes são favoráveis à proposta.

Os Auditores também estão aprovando com 82,29% dos votos a realização de um Ato Público, na quinta-feira (24/4), em Brasília, em frente ao Ministério do Planejamento e a realização de trabalho parlamentar no Congresso Nacional. Foram contra as atividades 17,7% dos participantes.

 

INÍCIO

Defesa
Unafisco se reúne com procurador para defender atribuições

O presidente do Unafisco, Pedro Delarue, e o diretor de Assuntos Jurídicos, Wagner Teixeira Vaz, reuniram-se, na tarde de ontem (22/4), com o procurador-geral da União, Jefferson Carús Guedes, para tratar do ataque que está ocorrendo contra as atribuições dos Auditores-Fiscais. A audiência foi motivada pela decisão da Justiça de Manaus (AM) que designou uma comissão de analistas-tributários para desembaraçar mercadorias no porto e no aeroporto da cidade.

Delarue explicou ao procurador que a medida da Justiça de Manaus era desnecessária, já que os Auditores da cidade estão em operação-padrão e podem, portanto, atender às liminares, além de desembaraçar outras mercadorias. O presidente do Unafisco disse ainda que o interesse de contribuintes em acabar com a greve pode até ser legítimo, mas deve ter limites. “Não pode ser às custas de uma das carreiras mais importantes do Estado”, destacou.

Segundo ele, a usurpação das atribuições fere também o princípio do concurso público, uma vez que coloca no cargo pessoas sem atribuição legal para ocupá-lo.

Guedes afirmou que não se trata apenas de uma questão aduaneira, mas também da preservação de cargos e, por isso, considera conveniente uma ação conjunta da Procuradoria da Fazenda e da Advocacia-Geral da União.

Também participou da reunião o advogado Alexandre Costa, do Departamento de Assuntos Jurídicos do Unafisco Sindical.

INÍCIO

 

Garibaldi Alves
Presidente do Senado diz que projetos não serão engavetados


Paulo Paim, Clotilde Guimarães (ao centro) e Garibaldi Alves

Em discurso ontem (22/4), na sessão especial para homenagear os servidores públicos aposentados, o presidente do Senado Federal, Garibaldi Alves, afirmou que, na sua gestão, projetos e vetos serão votados, não engavetados. A fala do senador foi uma resposta a uma observação feita pela diretora de Assuntos de Aposentadoria, Proventos e Pensões do Unafisco, Clotilde Guimarães, que participou da solenidade representando o Instituto Mosap, no qual ocupa o cargo de segunda vice-presidente. Ela disse que havia muitos projetos em favor dos aposentados parados, “dormindo” no Senado Federal.

Clotilde Guimarães pediu aos parlamentares a agilidade na avaliação das proposições de interesse dos aposentados e pensionistas, especialmente, da PEC (Proposta de Emenda Constitucional) 555/2006, que acaba com a cobrança previdenciária sobre as aposentadorias e pensões dos servidores. Ela também ressaltou a necessidade da regulamentação do artigo 15 da lei 10.887/04, que trata da revisão das aposentadorias e pensões após a Emenda Constitucional 41/2003 (última reforma da Previdência).

“Nossa amiga Clotilde Guimarães está provocando quando diz que há muito projeto ‘dormindo’ no Senado Federal. Mas essa situação vai mudar. Aliás, já está mudando”, assegurou. Garibaldi citou a votação do PLS (Projeto de Lei do Senado) 296/03, que extingue o fator previdenciário, e do PLC (Projeto de Lei Complementar) 42/07 com emenda do senador Paulo Paim (PT-RS), que vincula o reajuste das aposentadorias ao do salário mínimo, como provas de que não haverá mais engavetamento de projetos.

“Na verdade, queria dizer aos senhores o seguinte: se até agora dormiram (os projetos), não vão dormir mais enquanto eu for presidente. Nos gabinetes, nas gavetas, não estão ficando mais. Estão sendo votados. Porque de uma coisa os senhores fiquem certos: o Poder Executivo não vai submeter o Poder Legislativo”, garantiu.

Paulo Paim – A sessão especial em homenagem aos servidores Aposentados e Pensionistas foi realizada a pedido do senador Paulo Paim (PT-RS). Durante a solenidade, ele fez um relato de todos os projetos de sua autoria que beneficiam essa parcela da população.

Vários senadores participaram da solenidade e fizeram discursos favoráveis a quem hoje está na aposentadoria. Também estiveram presentes dirigentes sindicais de várias entidades e associações. O Unafisco também foi representado pelo segundo vice-presidente do Sindicato, Ildebrando Zoldan.

INÍCIO

 

Cobrança
Auditores-Chefes sofrem pressão para retaliar grevistas

A DEN (Diretoria Executiva Nacional) tem recebido informações de que o secretário da RFB (Receita Federal do Brasil), Jorge Rachid, estaria realizando reuniões com os superintendentes do órgão para cobrar a entrega da relação dos Auditores-Fiscais em greve.

Ciente da pressão a que os Auditores-Chefes estão sendo submetidos, a DEN se solidariza com esses colegas e lembra-os de suas responsabilidades nesse contexto do movimento. A DEN entende que os Auditores-Chefes não devem ser instrumentos da repressão e intransigência do Governo em relação às reivindicações dos Auditores, e precisam reforçar a mobilização da Classe.

A DEN recomenda reflexão aos colegas que ocupam cargos de chefia. É preciso ter claro que os Auditores-Fiscais esgotaram todas as possibilidades de negociação antes de deflagrarem a greve. Sem falar que o movimento visa acima de tudo à valorização do cargo.

INÍCIO

 

Porto Alegre
Auditores-Chefes entregam cargos

No final da manhã de ontem (22/4), os Auditores-Fiscais, que ocupavam cargos de chefia na DRJ (Delegacia da Receita Federal do Brasil de Julgamento) em Porto Alegre, colocaram suas funções à disposição.

O documento subscrito por 13 Auditores – sendo seis presidentes de turma, seis substitutos e uma chefe-de-serviço – foi entregue ao delegado da DRJ na capital gaúcha. O documento está anexo.

Secat – No mesmo dia, outros 13 Auditores-Fiscais lotados no Secat (Serviço de Controle e Acompanhamento Tributário) da DRF (Delegacia da Receita Federal do Brasil) em Porto Alegre também colocaram as suas funções à disposição, dando seguimento às adesões da Classe a essa iniciativa.

INÍCIO

 

Volta Redonda
Auditores entregam cargos e trabalhos

Na última sexta-feira (18/4), os Auditores-Fiscais de Volta Redonda (RJ) entregaram suas cargas de trabalho e os ocupantes de cargos de chefias colocaram suas funções à disposição da delegada da RFB (Receita Federal do Brasil) em Volta Redonda (RJ). Para formalizar as entregas, os Auditores assinaram um documento em que explicam os motivos da atitude.

No texto, os Auditores consideram “injustificável depois de decorridos sete meses do início das negociações com mais de vinte reuniões com os representantes do Governo, o não atendimento às nossas reivindicações que buscam a valorização de carreira fundamental para o funcionamento do Estado Brasileiro”. A íntegra do documento está anexa a este Boletim.

INÍCIO

 

FOTO LEGENDA

Vitória da Conquista (BA) – Na última sexta-feira (18/4), os Auditores-Fiscais ocupantes de funções gratificadas, incluindo o delegado-adjunto, entregaram seus cargos ao delegado Ricardo Faria.

 

 

INÍCIO

 

Joaçaba
Manifesto defende apresentação de contraproposta

Os Auditores-Fiscais de Joaçaba (SC), reunidos na Assembléia Nacional da última sexta-feira (18/4), aprovaram um manifesto em que defendem a apresentação de uma nova contraproposta da Classe, com o objetivo de dar continuidade à negociação da Campanha Salarial.

“Um pouco mais de vontade política do Governo, representada pelo afastamento do SIDEC (Sistema de Desenvolvimento na Carreira) do bojo da discussão salarial e pela melhoria do cronograma de implantação da tabela, é o que precisamos para pôr fim ao movimento”, concluíram os Auditores.

O manifesto enviado pela DS (Delegacia Sindical) Joaçaba está disponível na Área Restrita do site.

INÍCIO

 

Rio de Janeiro
Auditores-Fiscais rejeitam proposta do Governo

reduzida.jpg

Na última sexta-feira (18/4), os Auditores-Fiscais do Rio de Janeiro, em Assembléia Nacional Conjunta, rejeitaram a proposta apresentada pelo Governo (indicativo 1) e aprovaram a realização de um novo Ato Público (indicativo 2).

A Assembléia, que reuniu 379 Auditores-Fiscais, contou com a presença dos presidentes do Unafisco, Pedro Delarue, e da Fenafisp (Federação Nacional dos Auditores-Fiscais da Receita Federal do Brasil), Lupércio Montenegro. Eles esclareceram dúvidas levantadas pelos Auditores presentes sobre as negociações com o Governo.

Confira anexa íntegra da nota encaminhada pela DS (delegacia Sindical) Rio de Janeiro.

INÍCIO

 

Assembléia
Auditores de Natal debatem Campanha Salarial

Os Auditores-Fiscais filiados à DS (Delegacia Sindical) Rio Grande Norte e ao Sindifisp/RN (Sindicato dos Auditores-Fiscais da Receita Federal no Rio Grande do Norte), reunidos em Assembléia Nacional Unificada, no dia 18 de abril, para tratar dos encaminhamentos da Campanha Salarial 2008, produziram nota que pode ser conferida nos anexos.

No documento, eles afirmam que os negociadores do Governo se esmeraram, durante longos oito meses, em protelar a apresentação de proposta completa e ainda insistem em vincular qualquer melhoria salarial à imposição do Sidec (Sistema de Desenvolvimento na Carreira).

O entendimento é de que os valores constantes da tabela oferecida pelo Governo seriam aceitáveis, caso viessem acompanhados de um cronograma de implantação mais razoável, com parcela final de implantação no ano de 2009, dentre outros pontos.

Os Auditores-Fiscais ainda entendem que a negociação está emperrada em razão de um impasse político. E, consideram que as negociações, daqui por diante, devam ser no âmbito dos Ministérios do Planejamento, Orçamento e Gestão e da Fazenda, com a participação direta dos respectivos ministros de Estado, que são as autoridades competentes para dirimir conflitos políticos.

INÍCIO

 

Deliberações
Blumenau rejeita proposta do Governo

A DS (Delegacia Sindical) Blumenau (SC), reunida em Assembléia Nacional na última sexta-feira (18/4), rejeitou por ampla maioria a proposta do Governo por entender que, nas condições apresentadas, não valoriza a Classe e implanta um sistema de progressão e promoção nocivo ao futuro da Carreira.

Na mesma Assembléia, foi aprovado um manifesto (que está na Área Restrita) com uma minuta de contraproposta a ser apresentada pelo Governo. A ampla maioria se opôs ao indicativo 2. Confira os motivos na nota enviada pela DS nos anexos do Boletim.

INÍCIO

 

Pelotas
Trabalho Parlamentar no Rio Grande do Sul

O deputado federal Cláudio Diaz (PSDB/RS) recebeu a visita do CLM (Comando Local de Mobilização) do Unafisco e da Fenafisp (Federação Nacional dos Auditores-Fiscais da Receita Federal do Brasil) Pelotas (RS), na última sexta-feira (18/4). Na oportunidade, os Auditores ressaltaram ao deputado os motivos que levaram a Classe ao movimento.

O parlamentar manifestou total apoio e falou que irá fazer um pronunciamento nesta semana, repercutindo o descaso do Governo em resolver a situação. Estiveram presentes na audiência os Auditores Rafael Bastos, Flávio Zambrano e Sandro Siqueira.

INÍCIO

 

FOTO LEGENDA
reduzida.jpg
Sorocaba – A greve continua firme em Sorocaba (SP). Segundo informe da DS (Delegacia Sindical), Auditores-Fiscais que nunca participavam das atividades sindicais estão engajados na mobilização. A DS também registrou a passagem de um mês de greve com um bolo.

 

 

INÍCIO

 

Brasília
Auditores realizam Ato Público solidário

O Comando Local de Mobilização e a DS (Delegacia Sindical) Brasília realizam hoje, a partir das 8h30, um Ato Público com café-da-manhã, em frente ao prédio da DRJ (Delegacia da Receita Federal de Julgamento), na L2 Sul, em Brasília. O Ato faz parte da atual Campanha Salarial.

A Classe também está convidada a participar de um ato de solidariedade com doações para o Núcleo Social Santo Aníbal, localizado no Guará II, cidade do Distrito Federal. Para participar, cada Auditor deve levar para o Ato Público de hoje alimentos não-perecíveis (a partir de 1 kg). Atualmente, as necessidades mais imediatas do Núcleo são por feijão, arroz, achocolatado, suco e leite.

Para amanhã (24/4), os Auditores-Fiscais de Brasília estão convidados a participar do Ato Público nacional, em frente ao prédio do Ministério do Planejamento, na Esplanada dos Ministérios.

Mais informações na nota anexa enviada pelo Comando Local de Mobilização.

INÍCIO

 

5ª RF
Plenária dos Auditores Aduaneiros será realizada sexta-feira

A DS (Delegacia Sindical) Salvador (BA) e o Sindifisp/BA (Sindicato dos Auditores-Fiscais da Receita Federal do Brasil no Estado da Bahia) promoverão uma Plenária dos Auditores Aduaneiros da 5ª Região Fiscal (Bahia e Sergipe), na próxima sexta-feira (25/4), no auditório do Ministério da Fazenda da capital baiana.

A plenária tem como objetivo fazer um balanço da contribuição dos Auditores aduaneiros na atual Campanha Salarial. A DS/Salvador lembra que o momento urge pela participação expressiva de todos, tendo em vista que o Governo tenta esvaziar o movimento.

A relação dos participantes de cada localidade deve ser enviada até as 15h da véspera do evento, através do e-mail unafiscoba@uol.com.br

Confira a íntegra da nota enviada pela DS anexa a este Boletim Informativo.

INÍCIO

 

Mudanças
Presidente Prudente envia Manifesto

Em Assembléia Nacional realizada ontem (22/4), os Auditores-Fiscais filiados à DS (Delegacia Sindical) Presidente Prudente (SP) e à Fenafisp (Federação Nacional dos Auditores-Fiscais da Receita Federal do Brasil) resolveram encaminhar à DEN (Diretoria Executiva Nacional), à diretoria da Fenafisp e ao CNM (Comando Nacional de Mobilização) sugestões de mudança de estratégia no movimento que podem ser conferidas anexas.

A DS ainda manifesta apoio às considerações da DS de São José dos Campos (SP), publicada neste Boletim ontem (22/4).

INÍCIO

 

Novo Hamburgo
Auditores sugerem contraproposta

Reunidos em Assembléia Nacional na última sexta-feira (18/4), os Auditores-Fiscais de Novo Hamburgo (RS) elaboraram uma contraproposta a ser apresentada ao Governo. A iniciativa, segundo a nota enviada pela DS, tem o objetivo de demonstrar que a Classe não está intransigente.

A contraproposta, que está na Área Restrita do site, sugere a remuneração por subsídio, o salário final correspondente ao já concedido à Polícia Federal e idêntico ao oferecido à Advocacia-Geral da União, além de um cronograma de implementação que vai até abril de 2009 e sem o Sidec (Sistema de Desenvolvimento na Carreira).

INÍCIO

 

Rio de Janeiro
Reunião no Galeão amanhã

A DS (Delegacia Sindical) Rio de Janeiro convoca todos os Auditores-Fiscais, em exercício no Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro (Galeão) para reunião que avaliará a forma de mobilização naquela unidade.

Conforme decidido ontem (22/4) pelos Auditores do Aeroporto, a DS convocou Assembléia Local, que só será realizada nas dependências do Galeão com o objetivo já mencionado. A íntegra da convocatória está no site da DS/RJ www.unafisco-rj.org.br

A reunião será às 11 horas de amanhã, quinta-feira (24/4), na sala de reunião do 3º andar do prédio administrativo.

INÍCIO

 

Passo Fundo
Manifesto questiona indicativos da Assembléia

Os Auditores-Fiscais em exercício na DRF (Delegacia da Receita Federal do Brasil) em Passo Fundo (RS) aprovaram um manifesto em que questionam a forma como foram dispostos os indicativos da última Assembléia Nacional, realizada em 18 de abril.

O manifesto defende que o pensamento da Classe seria expresso de maneira mais fiel se cada um dos temas básicos tratados na atual Campanha Salarial (nova tabela de remuneração, cronograma de implementação, transposição para solução do fosso e Sidec) fosse analisado em indicativo próprio.

O manifesto está anexo.

INÍCIO

 

Manifestos
Salvador e Ribeirão Preto questionam declarações

Está anexo a este Boletim Informativo manifesto aprovado ontem (22/4) pelos Auditores-Fiscais da RFB (Receita Federal do Brasil) em Salvador (BA), em que é questionado conteúdo de matéria publicada pela Agência Estado, e reproduzida em outros veículos de comunicação.

Acerca do conteúdo da matéria, a DEN (Diretoria Executiva Nacional) encaminhou no início da tarde ontem uma resposta à Agência Estado e a toda a imprensa brasileira (redações de agências, jornais, rádios e TVs) que também pode ser lida no início deste Boletim.

Ribeirão Preto – A DS/Ribeirão Preto também encaminhou um manifesto à DEN em que faz considerações sobre a entrevista dada à Agência Estado e a resposta do Unafisco. O manifesto da DS também está anexo.

 

INÍCIO

Florianópolis
Assembléia Local realizada ontem (22/4)

Os Auditores-Fiscais de Florianópolis (SC) participaram ontem (22/4) de Assembléia Local. Eles decidiram disponibilizar, caso seja necessário, recursos financeiros para o Fundo de Corte de Ponto.

Também foram definidos os nomes dos representantes da DS (Delegacia Sindical) Florianópolis no Comando de Mobilização Local e no Ato Público, que acontece em Brasília, amanhã (24/4). As deliberações da Assembléia estão anexas.

Manifesto – Na Assembléia Nacional (18/4), os Auditores filiados ao Unafisco, à Acafip (Associação Catarinense dos Auditores-Fiscais da Receita Federal do Brasil) e ao Sindifisp/SC (Sindicato dos Auditores-Fiscais da Receita Federal do Brasil de Santa Catarina) também aprovaram um manifesto favorável à retirada do Sidec (Sistema de Desenvolvimento na Carreira) da negociação da Campanha Salarial da Classe como forma de superar o impasse que leva à manutenção da greve.

Confira manifesto anexo.

 

INÍCIO

Curtas

Vitória da Conquista – Está sendo mantido o sistema de rodízio, com apenas 30% dos Auditores-Fiscais trabalhando.

Caruaru – Apesar das mudanças de interpretação do Judiciário em relação ao corte do ponto, os Auditores-Fiscais de Caruaru informam que a paralisação na cidade permanece com adesão de 64%.

INÍCIO

 

Unafisco Saúde
Plano garante cobrança da mensalidade de maio

Foi encerrada no dia 17 de abril a postagem das Circulares 013 que garantem a cobrança da mensalidade de maio do Unafisco Saúde, conforme nota publicada no Boletim Informativo 2581, do dia 17 de abril. A principal e mais garantida forma de cobrança a ser adotada pelo plano será o lançamento de débitos em contas correntes do banco conveniado no segundo dia útil de cada mês.

Essa ação foi adotada em decorrência da publicação do Decreto 6.286/2008, de 29 de fevereiro de 2008, regulamentado pela Portaria Normativa nº. 01 de 20/03/2008, que determina a celebração de convênio com o Ministério do Planejamento para que as consignações em folha de pagamento sejam autorizadas. A outra forma de cobrança será via boleto, encaminhado aos titulares juntamente com a Circular 012, também no dia 17.

Considerando que essas são as formas de arrecadação de mensalidades disponíveis no momento para configuração da única fonte de recursos o Plano e, ainda, com o objetivo de garantir o custeio das despesas realizadas pelos Auditores-Fiscais e seus familiares, o Unafisco Saúde conta com a pontualidade e a adimplência de seus beneficiários.

O Plano aguarda a convocação pelo Ministério do Planejamento, a qualquer momento, para assinatura do contrato que garantirá o retorno do desconto das mensalidades em contracheque.

INÍCIO

 

DIRETORIA EXECUTIVA NACIONAL

Manifestação
Ato Público será realizado na próxima quinta-feira
Mobilização
DEN convoca para Assembléia Nacional Extraordinária
Apuração
Segunda parcial confirma rejeição de proposta

Defesa
Unafisco se reúne com procurador para defender atribuições

Garibaldi Alves
Presidente do Senado diz que projetos não serão engavetados
Cobrança
Auditores-Chefes sofrem pressão para retaliar grevistas
Porto Alegre
Auditores-Chefes entregam cargos
Volta Redonda
Auditores entregam cargos e trabalhos
FOTO LEGENDA
Joaçaba
Manifesto defende apresentação de contraproposta
Rio de Janeiro
Auditores-Fiscais rejeitam proposta do Governo
Assembléia
Auditores de Natal debatem Campanha Salarial
Deliberações
Blumenau rejeita proposta do Governo
Pelotas
Trabalho Parlamentar no Rio Grande do Sul
FOTO LEGENDA
Brasília
Auditores realizam Ato Público solidário
5ª RF
Plenária dos Auditores Aduaneiros será realizada sexta-feira
Mudanças
Presidente Prudente envia Manifesto
Novo Hamburgo
Auditores sugerem contraproposta
Rio de Janeiro
Reunião no Galeão amanhã

Passo Fundo
Manifesto questiona indicativos da Assembléia

Manifestos
Salvador e Ribeirão Preto questionam declarações
Florianópolis
Assembléia Local realizada ontem (22/4)
Curtas
Unafisco Saúde
Plano garante cobrança da mensalidade de maio
   
   

Boletim em
formato word