-->


Home
Brasília, 24 de setembro de 2007

ANO XI

Nº 2445

   

Assembléia
Auditores expressam indignação e insatisfação crescentes

Nos debates realizados durante a Assembléia Nacional, ficou claro que a indignação e a insatisfação têm crescido entre a Classe. Como bem ressaltaram em manifesto os colegas da DS/Joaçaba (SC), “embora esteja clara a importância do nosso trabalho para o funcionamento do Estado, isto não vem se refletindo em valorização dos Auditores, diversamente do que se observa em outras carreiras estratégicas como aquelas pertencentes à Polícia Federal e AGU”.

Para os colegas da DS de Foz do Iguaçu, “tal tratamento diferenciado vem de encontro com o prestígio e excelência da categoria, que, com profissionalismo e competência, é responsável pelo arrimo das contas da União”. No manifesto, eles informam sobre a mobilização e conclamam o delegado a integrar-se à campanha pela valorização do nosso trabalho, com a implantação de uma nova estrutura remuneratória.

Os Auditores-Fiscais estão demonstrando que não aceitarão outro resultado para o processo de negociação que não seja o reconhecimento da importância de estabelecer, a exemplo das categorias citadas, um novo patamar salarial para a Classe.

No entendimento da DEN, ações como a dos colegas das duas DSs devem ser disseminadas. Enviar manifestos e correspondências aos administradores é uma forma de buscarmos o engajamento dos colegas para uma luta que, no final, beneficiará a todos, inclusive ao Estado Brasileiro. O Boletim republica os dois manifestos nos anexos.

INÍCIO

 

Resultado
Categoria aprova mobilização permanente

Computados 1.841 votos de 79 DSs, já podemos afirmar que os Auditores aprovaram por ampla maioria o estado de mobilização permanente, que recebeu 99,63% de votos. Também por ampla maioria (99,33%), o resultado indica a aprovação da tabela salarial acordada entre as direções do Unafisco e da Fenafisp (Federação Nacional dos Auditores-Fiscais da Receita Federal do Brasil).

Por 92,15%, os votos já computados revelam que os auditores aprovam incluir como eixo principal da pauta a manutenção e resgate das atribuições privativas e prerrogativas dos Auditores-Fiscais da RFB (Receita Federal do Brasil). Os percentuais de todos os indicativos estão publicados no Quadro de Avisos do site do Unafisco. Leia mais

INÍCIO

 

Campanha Salarial
DEN convoca para Assembléia Nacional dia 2/10

 

Está publicada desde a última sexta-feira (21/9), no Quadro de Avisos do site do Unafisco, a convocação da DEN (Diretoria Executiva Nacional) para a Assembléia Nacional do próximo dia 2 de outubro (terça-feira), a ser realizada nas Delegacias Sindicais e Representações de todo o país. Na pauta, além dos informes e da análise de conjuntura, os Auditores-Fiscais irão deliberar sobre a Campanha Salarial; eleição de representante local da DS para o Comando Regional; e organização dos comandos locais.

INÍCIO

 

Voto Nominal
Vídeo disponível no site ensina como votar

Um filme explicativo, com 4 minutos e 53 segundos de duração, está disponível no Quadro de Avisos do site do Unafisco desde a última sexta-feira (21/9) demonstrando como os delegados participantes do CDS (Conselho de Delegados Sindicais) poderão votar nominalmente, caso a implantação dessa nova metodologia seja aceita pela Classe.

Essa é uma das propostas que a DEN (Diretoria Executiva Nacional) apresentará durante o próximo CDS, agendado para o período de 3 a 5 de outubro, no Hotel Nacional, em Brasília. Outros sistemas que utilizam tecnologias diferenciadas para viabilizar o voto nominal também serão apresentados pela DEN, embora exijam um investimento bem mais alto do que o sistema desenvolvido pelo Sindicato.

Produzido pelo CPD (Centro de Processamento de Dados) do Unafisco, o vídeo explica de forma clara e objetiva o passo a passo da votação nominal, como incluir propostas e como votar, além de demonstrar como os resultados da votação serão obtidos em tempo real.

A metodologia do sistema é simples: utilizando o cartão de identificação, o delegado manifestará sua intenção de votar. A partir dessa sinalização, funcionários do Unafisco colherão o voto em uma leitora ótica de códigos de barra. Um dos fatores importantes da utilização desse sistema de voto nominal é a impossibilidade de o mesmo delegado votar duas vezes na mesma opção ou em opções diferenciadas. A leitora ótica registrará apenas uma vez o mesmo código.

INÍCIO

 

Fórum
Subsídio e voto nominal são temas de debate

Foram criadas duas novas “salas” de debates no Fórum de Discussão dos Auditores-Fiscais, que os colegas têm acesso pela Área Restrita do site do Unafisco: uma sobre o recebimento de salário sob a forma de subsídio e outra sobre a implantação do voto nominal das votações do CDS (Conselho de Delegados Sindicais). A DEN (Diretoria Executiva Nacional) entende que isso vem ao encontro do anseio da categoria, que, no caso específico do subsídio, aprovou que essa discussão seja feita no decorrer da Campanha Salarial.

Para participar do Fórum, é preciso que o Auditor se cadastre na Área Restrita, seguindo os seguintes passos: clicar no ícone “Área Restrita” e depois no link “Se ainda não é cadastrado, cadastre-se agora” e fornecer as informações solicitadas pelo site.

O Fórum funciona de maneira muito similar a de outros espaços de discussão disponíveis na internet. Entre as ferramentas disponíveis está a que permite responder apenas ao autor do comentário, sem que os outros participantes do fórum tenham acesso à resposta. Não são aceitas mensagens ofensivas de qualquer ordem, conforme termo de uso do Espaço do Auditor.

Passo a passo – Quando acessar a área restrita, o Auditor verá que há o ícone do Fórum. Ao clicar nesse espaço, aparecerá a relação dos tópicos de discussão disponíveis, com subgrupos de assuntos, caso eles existam. Após escolher o tema que pretende debater, o Auditor clicará em “responder” para postar sua mensagem. Caso deseje citar algum comentário, clicar em “citar”. Na parte superior do Fórum, à direita, há o ícone FAQ, local em que os colegas poderão esclarecer qualquer dúvida sobre a navegação no Fórum.

INÍCIO

 

Armas de Fogo
Governo edita nova MP

A MP (Medida Provisória) 344/2007, que altera o Estatuto do Desarmamento, editada pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva na última quinta-feira (20/9), está sendo analisada pela Diretoria de Assuntos Parlamentares do Unafisco. A entidade pretende reapresentar a emenda que prevê a isenção do pagamento da taxa de registro de armas para os Auditores-Fiscais da Receita Federal do Brasil.

De acordo com o diretor-adjunto de Assuntos Parlamentares, João Santos, a principal inovação da nova MP, em relação à medida provisória original, que foi revogada no último dia 18 para desobstruir a pauta da Câmara dos Deputados e permitir a votação da CPMF (imposto do cheque), é a prorrogação do prazo para o registro de armas, estendido até 2 de julho de 2008.

A tabela de preços incluída na MP define a taxa de R$ 30 para o registro de armas (até 31 de dezembro), R$ 45 (entre 1º de janeiro e 30 de abril de 2008) e R$ 60 (de 1º de maio a 2 de julho de 2008). As taxas seguem o mesmo padrão para renovação do certificado de registro de armas de fogo e para as empresas de segurança privada e de transporte de valores. A expedição, a renovação e a segunda via de porte de arma de fogo vão custar R$ 1 mil. A expedição de segunda via de certificado de registro de arma de fogo sairá por R$ 300.

INÍCIO

 

Não à Pirataria
Unafisco prestigia lançamento de campanha

O diretor de Assuntos Parlamentares do Unafisco, Eduardo Artur Neves Moreira, participou, na quinta-feira (20/9) passada, do lançamento da Campanha Blumenau sem Pirataria, na cidade do interior de Santa Catarina. O movimento é formado pela Prefeitura de Blumenau, Governo de Santa Catarina, Ministério da Justiça, por meio do Conselho Nacional de Combate à Pirataria, da Secretaria da Receita Federal do Brasil, Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, além de diversas entidades da sociedade civil.

No evento, o superintendente da 9ª Região Fiscal da RFB (Receita Federal do Brasil), Luiz Bernardi, destacou a participação da RFB em ações de combate ao contrabando, ao descaminho e à pirataria. Já o secretário-executivo do Conselho Nacional de Combate à Pirataria do Ministério da Justiça, André Luiz Alves Barcellos, elogiou a ação da RFB, com apresentação de dados significativos de apreensões e processos instaurados.

Para Eduardo Neves Moreira, o evento “foi um acontecimento de muita importância para a nossa Classe, principalmente neste momento de intensa Campanha Salarial”.  O presidente da DS/Blumenau, Kurt Krause, também participou da apresentação da Blumenau sem Pirataria.

INÍCIO

 

Evento
DEN participa de 25º Enafit

O presidente do Unafisco Sindical, Pedro Delarue, participou ontem (23/9) da abertura do 25º Enafit (Encontro Nacional dos Auditores-Fiscais do Trabalho), no Hotel Ouro Minas, em Belo Horizonte (MG) até a próxima sexta-feira (28/9). Amanhã, às 16 horas, o diretor de Assuntos Jurídicos do Sindicato, Wagner Teixeira Vaz, integra a mesa do painel “ Lei Orgânica da Fiscalização – Uma proposta em debate”.

O 25º Enafit, que tem como tema “Auditoria Fiscal do Trabalho: em defesa dos direitos do trabalhador”, é promovido pela Aafit/MG (Associação dos Auditores-Fiscais do Trabalho de Minas Gerais) e pelo Sinait (Sindicato Nacional dos Auditores-Fiscais do Trabalho) com o objetivo de aprofundar os debates internos sobre condições de trabalho e organização classista e a interação com a sociedade, por intermédio do contato com entidades sindicais e empresariais, com as universidades, com correntes políticas e com a mídia.

INÍCIO


DIRETORIA EXECUTIVA NACIONAL

Resultado
Categoria aprova mobilização permanente
Campanha Salarial
DEN convoca para Assembléia Nacional dia 2/10
Voto Nominal
Vídeo disponível no site ensina como votar
Fórum
Subsídio e voto nominal são temas de debate
Armas de Fogo
Governo edita nova MP
Não à Pirataria
Unafisco prestigia lançamento de campanha
Evento
DEN participa de 25º Enafit
   
   

Boletim em
formato word