-->


Home
Brasília, 27 de julho de 2007

ANO XI

Nº 2405

   

CDS
Crise aérea provoca cancelamento de reunião

A reunião extraordinária do Conselho de Delegados Sindicais (CDS) marcada para este final de semana, em Brasília, foi cancelada. O presidente da Mesa Diretora do CDS considerou que as dificuldades de deslocamento em função da interrupção dos vôos a partir do aeroporto de Congonhas e o congestionamento em outros aeroportos do país, decorrente especialmente do grande número de pessoas que retornam das férias escolares neste sábado e domingo, poderiam interferir na presença dos conselheiros e prejudicar as discussões.

Os assuntos pautados para este encontro serão encaminhados à DEN para inclusão na pauta da primeira reunião do próximo CDS, sem data definida.

INÍCIO

 

Assembléia Nacional
Resultado parcial aprova indicativos de ações

Por ampla maioria, os auditores-fiscais, segundo resultado parcial da Assembléia Nacional realizada ontem (26/7), estão aprovando os quatro indicativos que autorizam o Unafisco Sindical a entrar com ações judiciais por motivos diversos: atualizar as diárias de viagem (79,94%); reajustar o valor do auxílio-alimentação (79,48%); equiparar o auxílio à assistência à saúde com o maior valor pago pelo Executivo (86,68%); e afastar a incidência de imposto de renda sobre o abono de permanência (84,06%).

O resultado do quinto e último indicativo, em que os auditores-fiscais responderam se concordam com a decisão do CDS de encaminhar ao Ministério Público os fatos apurados pelo Conselho de Árbitros, aparece na parcial com 54,28% para o “sim” e com 45,71% para o “não”, sem considerar as abstenções.

Essa prévia considera apenas as 26 Delegacias Sindicais que encaminharam o resultado da Assembléia Nacional para a DEN até 20 horas de ontem.

INÍCIO

 

Campanha Salarial
Caderno de Subsídios destaca novo patamar

A pauta de reivindicação da Campanha Salarial 2007/2008 é o cartão de visita do Caderno de Subsídios, lançado esta semana pelo Unafisco Sindical. É ela que abre caminho para a discussão dos demais subitens da publicação, com destaque, já no início do caderno, para os dois eixos da campanha.

Um deles – o que trata do resgate e manutenção das prerrogativas e atribuições dos auditores-fiscais – foi abordado no Boletim de ontem (26/7). Nesta edição focamos a luta pela implantação imediata da tabela remuneratória, que faz parte do Plano de Carreira aprovado em 2004 pelos auditores.

Ao defender a implantação dessa tabela, a categoria não visa apenas a garantir um mero reajuste percentual do salário. Mais importante que isso é estabelecer para todos os níveis da categoria um novo patamar remuneratório que signifique uma mudança real na estrutura da remuneração dos auditores-fiscais.

O Caderno de Subsídios está sendo publicado pela segunda Campanha Salarial seguida. Publicado pela primeira vez em 2005, ele foi revisado e complementado ainda no ano passado para respaldar toda a mobilização da categoria em 2006. Agora, em 2007, ganhou mais informações e foi novamente atualizado. Leia mais

INÍCIO

 

Remoção
AFRFs encontram no site possibilidade de permuta

O Banco de Permutas criado pelo Unafisco para facilitar a troca de informações entre auditores efetuou uma atualização em seus dados com a inclusão das alfândegas, que não faziam parte do Banco, e com a complementação da relação das inspetorias. Agora, os interessados na remoção por permuta podem ter acesso a dados inseridos a partir de todas as localidades do país.

O Banco de Permutas tem até agora 667 intenções de permuta em seu cadastro, com a possibilidade de um mesmo auditor oferecer mais de uma opção para a troca de localidade. Se considerarmos apenas uma opção para cada cadastrado, o número é de 331 auditores. Desse total, sete AFRFs já se manifestaram interessados em concluir o processo de troca com base nas informações encontradas no Banco. Ou seja, em menos de um mês, o Banco de Permutas está oferecendo a possibilidade concreta de remoção por permuta para 14 auditores. Leia mais

 

INÍCIO

Comissão faz estudos sobre movimentação e localidades

Os encaminhamentos propostos e aprovados durante a primeira reunião da Comissão sobre Remoção, realizada no último dia 24, em Brasília, já estão em fase de implementação. Duas comissões foram criadas dentro do grupo nacional: uma para atualizar a proposta do Unafisco sobre lotação e movimentação a partir do Plano de Carreira da categoria e outra para consolidar o diagnóstico sobre a realidade das localidades, especialmente após a fusão dos Fiscos. As comissões vão apresentar os resultados de seus trabalhos durante o Encontro Nacional sobre Remoção previsto para setembro.

Além disso, como já divulgado pelo Boletim, entre os pontos importantes deliberados no encontro estão a edição de um caderno de subsídio sobre remoção contendo todas as informações necessárias para a compreensão do assunto pelos AFRFBs e a elaboração de estudos sobre alternativas de critérios para definição dos pesos atribuídos às localidades para a pontuação no concurso de remoção. Leia mais

INÍCIO

 

Acervo
Unafisco inaugura biblioteca

Sob a coordenação do Departamento de Estudos Técnicos, um acervo de aproximadamente 1.800 livros foi organizado segundo regras biblioteconômicas e padrões internacionais para compor a biblioteca do Unafisco Sindical. O espaço da biblioteca, que funcionará no próprio setor dos Estudos Técnicos, foi inaugurado ontem na sede do sindicato em Brasília com a presença de diretores, funcionários e do organizador do acervo, o bibliotecário Rodrigo Vilas Boas.


Diretores e funcionários na inauguração da biblioteca do Unafisco

Durante a inauguração, o presidente do Unafisco, Carlos André Soares Nogueira, destacou que a estruturação da biblioteca integra um rol extenso de outras medidas adotadas administrativamente para qualificar a atuação do Sindicato com o foco voltado ao trabalho em prol da categoria.

A diretora de Estudos Técnicos, Clair Hickmann, detalhou mais adiante que, com base nessa iniciativa, será possível preservar o patrimônio do próprio Sindicato, que é patrimônio de todos os auditores-fiscais. “Temos a nossa disposição agora o que há de mais moderno em termos de classificação bibliográfica”, ressaltou.

Ela explicou ainda que cada exemplar da biblioteca dispõe de um código de barras, que facilitará o controle de empréstimo e devolução, que será feito por sistema informatizado. Ao final da inauguração, foi feita uma demonstração de como funcionará esse sistema.

INÍCIO


DIRETORIA EXECUTIVA NACIONAL

 

Assembléia Nacional
Resultado parcial aprova indicativos de ações

Campanha Salarial
Caderno de Subsídios destaca novo patamar
Remoção
AFRFs encontram no site possibilidade de permuta
Comissão faz estudos sobre movimentação e localidades
Acervo
Unafisco inaugura biblioteca
   
   

Boletim em
formato word