-->


Home
Brasília, 24 de julho de 2007

ANO XI

Nº 2402

   

Remoção
Primeira reunião da Comissão será feita hoje

A Comissão sobre Remoção, criada com o objetivo de orientar a discussão do Sindicato sobre a remoção dos auditores-fiscais e os problemas gerados pela fusão dos Fiscos, estará reunida hoje, a partir das 9 h, no Carlton Hotel, em Brasília. O encontro contará com a participação de 25 representantes das DSs, indicados por seus dirigentes, além de representantes da DEN e da nova diretoria eleita.

Nos últimos meses, o Unafisco realizou intensa movimentação com o objetivo de defender os interesses de todos os AFRFs nas questões relacionadas à remoção. Esse é um tema que há muito tempo preocupa os colegas, em especial aqueles que ocupam postos nas fronteiras do país. E agora, depois da fusão, a preocupação se tornou ainda maior, pois não se sabe com segurança como se dará a distribuição do quadro de pessoal.

De acordo com a diretora de Defesa Profissional do Unafisco, Nory Celeste Ferreira, o maior problema da remoção é a angústia da incerteza, causada pela ausência de uma política clara de remoção dentro da Receita Federal do Brasil. Para ela, os auditores que estão na fronteira não têm sequer perspectivas de quanto tempo permanecerão no local, quando haverá concurso e quais são suas reais possibilidades de mudança. Essa situação, segunda ela, causa angústia e descontentamento. Nory avaliou que uma das coisas inexplicáveis relacionadas à remoção é o fato de não poder ser feita durante o período de estágio probatório. “O motivo alegado é o de que duas unidades ficariam responsáveis pela avaliação do servidor, e nós queremos entender: o que isso tem demais?”, questiona a diretora.

Diante desse contexto de poucas informações e oportunidades, ficou evidenciada a importância de que as discussões sobre o tema remoção fossem coordenadas por uma comissão representativa de toda a categoria. A intenção é fazer com que a reunião da Comissão seja o ponto de partida para a preparação do Encontro Nacional sobre Remoção, que discutirá todos os tópicos levantados pelos colegas nos últimos meses. Durante o dia, os membros da Comissão analisarão os diagnósticos elaborados pelas DSs, os quais apresentam os entraves de remoção nas localidades das Delegacias Sindicais; a apuração do número de fiscais que vieram para sua jurisdição oriundos da Previdência; e o levantamento da quantidade de fiscais previdenciários que foram removidos da jurisdição da DS ou foram para ela nos últimos 12 meses.

Banco de Permutas – O interesse pelo tema remoção por parte dos auditores pode ser demonstrado pela grande procura registrada no Banco de Permutas, lançado pelo Unafisco no dia 5 de julho. Em menos de 15 dias, mais de 400 auditores já estavam cadastrados no sistema que facilita a troca de informações.

Entre as principais vantagens do banco estão a agilidade e a facilidade para compartilhar informações sobre os locais disponíveis para a remoção com base na visualização dos dados inseridos pelos interessados de várias cidades e regiões. O Banco de Permutas pode ser acessado na área restrita do site do Unafisco.

INÍCIO

 

Sindicato na Mídia
O Globo publica matéria sobre estudo do Unafisco

A edição do jornal O Globo desta segunda-feira (23/7) destacou análise feita pelo Departamento de Estudos Técnicos do Unafisco acerca da arrecadação tributária da União nos cinco primeiros meses de 2007 (ver matéria na seção Últimas Notícias do site).

O jornal ressalta que a supervalorização do real em relação ao dólar foi decisiva para o aumento da arrecadação nesse período. Sob o título “Real forte dá impulso à arrecadação recorde”, a matéria pontua: “Um estudo do Sindicato Nacional dos Auditores da Receita Federal (Unafisco) mostra que o Imposto sobre Importação registrou aumento real de 17,45% nos seis primeiros meses deste ano sobre o mesmo período de 2006. Já o Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI), vinculado às importações, teve alta de 21,40% no mesmo período. Os aumentos ficaram bem acima do crescimento da arrecadação em geral, que foi de 10,02%”.

Entre outros aspectos ressaltados na matéria, o jornal dá espaço ainda a um alerta renitente do Unafisco acerca da necessidade de revisão da estrutura tributária no país, como forma de promover a justiça tributária.

No texto publicado pelo O Globo, a diretora do Departamento de Estudos Técnicos, Clair Hickmann, é quem chama a atenção para o problema, afirmando que o peso da tributação sobre o consumo é muito maior do que sobre a renda.

Na seqüência, o jornal finaliza: “O trabalho mostra ainda que os tributos que incidem sobre o consumo e sobre os salários dos trabalhadores responderam por 63,58% da arrecadação entre janeiro e maio de 2007. Já os que incidem sobre a renda do capital (inclui bancos) responderam por 25,31% da carga do período”.

INÍCIO

 

Estudos Técnicos
Livro de palestras do X Conaf está pronto

Pela primeira vez em dez congressos nacionais já realizados por auditores-fiscais, uma publicação servirá como registro histórico de todos os painéis e palestras ocorridos num desses encontros. Acaba de ser publicado o livro Palestras do X Conaf com a íntegra dos debates acerca do tema “O papel do auditor-fiscal na atividade essencial do financiamento do Estado – história e perspectiva”.

Além de servir como um registro, o livro se presta, acima de tudo, a ser uma fonte de pesquisa para fins diversos, já que traduz a essência de discussões sobre temas absolutamente relevantes e atuais para o país, tais como: “A distribuição da carga tributária no Brasil”; “Ética e transparência na gestão pública”; “Política tributária e o desenvolvimento econômico e social do Brasil”; e “O papel do Estado contemporâneo, transformações recentes, perspectivas e o projeto nacional”.

Os exemplares previamente solicitados pelas Delegacias Sindicais já foram enviados via correios. Para as demais DSs, também foi remetido um kit com dez números.

O livro foi editado por iniciativa da DEN, sob a coordenação do Departamento de Estudos Técnicos do Unafisco. O X Conaf ocorreu em Natal (RN), entre os dias 5 e 11 de novembro de 2006.

INÍCIO

 

Diretorias eleitas nas DSs continuam a ser divulgadas no Boletim

O Boletim Informativo do Unafisco publica hoje mais uma relação das diretorias executivas eleitas para o biênio 2007/2009 nas Delegacias Sindicais e Representações do Sindicato. A publicação é feita com base no material enviado pelas DSs para o CPD do Unafisco. A lista que vem sendo divulgada diariamente desde o último dia 19, tem por objetivo tornar pública a nova relação de diretores e outros membros das equipes que, a partir de 1º de agosto, estarão conduzindo os trabalhos nas DSs e nas Representações do Unafisco. As DSs que ainda não enviaram os seus resultados oficiais podem fazê-lo nos próximos dias. Leia, nos anexos, os resultados disponíveis hoje.

INÍCIO


DIRETORIA EXECUTIVA NACIONAL

Sindicato na Mídia
O Globo publica matéria sobre estudo do Unafisco

Estudos Técnicos
Livro de palestras do X Conaf está pronto
Diretorias eleitas nas DSs continuam a ser divulgadas no Boletim
   
   

Boletim em
formato word