-->


Home
Brasília, 21 de janeiro de 2005

ANO IX

Nº 1806

 

 

Campanha Salarial 2005
Servidores Públicos se articulam para luta conjunta

No dia 26 de janeiro será realizada na sede do Sindsprev - RS, Travessa Francisco Leonardo Truda, n 40, 12 andar - Centro, em Porto Alegre, das 13 às 18 horas, a Plenária Nacional dos Servidores Federais.

Sindicatos de servidores públicos estão se articulando para discutir formas de luta conjunta, especialmente considerando que o orçamento 2005 não prevê reajuste linear para os servidores federais.

Maria Lucia Fattorelli, presidente do Unafisco, participará da plenária em Porto Alegre e convida os delegados eleitos nas Assembléias do Unafisco para se encontrarem no local da reunião, a fim de fortalecer a participação de nossa entidade na luta conjunta dos servidores públicos.

INÍCIO

Primeiro vice-presidente participou da assembléia em São Paulo

Os AFRFs de São Paulo realizaram ontem uma assembléia na qual foi possível discutir com profundidade temas caros à categoria como a criação da "Super-Receita", a plenária de mobilização, a Campanha Salarial 2005 e as ações judiciais. "Os colegas foram informados sobre tudo o que está acontecendo no momento e São Paulo está unida para enfrentar os próximos desafios", afirma o primeiro vice-presidente do Unafisco, Marcello Escobar, que acompanhou a assembléia.

Ele explica que a reunião reafirmou a defesa contra a autarquização da Receita Federal e posicionou-se sobre a necessidade de a DEN continuar a buscar informações com a Administração sobre a criação da "Super-Receita", discutindo o que for proposto pelo governo, sem fechar questão. "Os AFRFs paulistas não querem se furtar a esse debate", disse Escobar.

Em relação à plenária da Cnesf, os colegas mostraram-se preocupados com os rumos dos encaminhamentos tomados pela coordenação em relação à mobilização dos servidores e acham necessário que o Unafisco busque qualificar as deliberações a serem tiradas na plenária. Everardo Queiroz foi o colega de São Paulo eleito como delegado.

INÍCIO

Em Brasília, diretores do Unafisco esclarecem colegas

A Assembléia Nacional realizada ontem no edifício Órgãos Regionais e conduzida pelo presidente da DS/Brasília, Damião Benvinda, contou com a participação dos diretores Iran Toneli (Finanças) e Pedro Delarue (Assuntos Parlamentares).

Por não ser deliberativa, a assembléia foi aproveitada pelos colegas para debater o tema da "Super-Receita" e esclarecer as dúvidas.

O diretor de Assuntos Parlamentares destacou a necessidade de considerar a correlação de forças, estudar o cenário e traçar a melhor estratégia de ação. "Nada é inevitável, mas precisamos considerar essa correlação para não sermos excluídos do processo numa possível negociação", declarou, acrescentando que, com estratégia, negociação e pressão inteligente, a DEN poderá cumprir o seu papel de defender os interesses da categoria e extrair o maior número de benefícios para os AFRFs ativos e aposentados e para os pensionistas.

Justiça fiscal - A DEN aproveitou a dúvida levantada por um colega sobre a MP 232 para frisar a participação do Unafisco Sindical no debate sobre a questão fiscal inclusive com a sociedade. "Com a cartilha Contribuições dos Auditores-Fiscais da Receita Federal para o Debate Tributário abrimos bastante espaço na imprensa no tema que somos efetivamente referência, que são os tributos. Nesse campo é que podemos subsidiar a sociedade e auxiliar na busca da correção de desigualdades. Em qualquer outro campo, nossa capacidade de pautar a mídia e de alterar rumos é muito pequena", explicou Delarue.

28,86% - Sobre o trabalho da comissão de investigação/auditoria dos 28,86%, o diretor declarou: "Estamos plenamente confiantes na isenção da comissão e do plenário do CDS. Se for comprovada a culpabilidade de qualquer membro da Diretoria Executiva Nacional terá de ser aberto um processo disciplinar e criminal contra o colega. Se não ficar provada a culpa de ninguém, aqueles injustamente acusados terão de ser publicamente inocentados, pois é a reputação deles que está em jogo", finalizou o Delarue.

INÍCIO

Seguro de Vida
Assefaz assume carteira do Unafisco

O Unafisco Sindical cedeu para a Fundação Assistencial dos Servidores do Ministério da Fazenda (Assefaz) os direitos e deveres relativos à Apólice de Seguro de Vida e Acidentes Pessoais n 4050, celebrada com a União Seguro e às apólices de seguro celebradas com a Caburé e Superclube. De acordo com o diretor-adjunto de Seguridade Social do Unafisco, Luiz Fernando Cialdini Bastos, a decisão foi tomada após ampla análise, pela diretoria e pelo Jurídico do Sindicato, do contrato do seguro de vida, cujas apólices têm cerca de 25 anos e foram firmadas quando o Unafisco era ainda uma associação e mantidas após a fusão com o Sindicato.

Hoje com cerca de 4 mil assegurados, 80% dos quais segurados pela União Seguro, a administração das carteiras, que contam inclusive com assegurados que não são AFRFs, é considerada de alto-risco e exigiria do Unafisco Sindical um empenho que poderia desviar o Sindicato da sua atividade fim. "O mercado oferece muitas opções mais interessantes de seguro", destacou Cialdini. As carteiras estão paradas há praticamente dez anos, têm uma faixa etária alta e estavam com capital assegurado e mensalidades defasadas.

Manutenção do contrato - A cessão de direitos e deveres da apólice para a Assefaz foi feita sem consulta aos beneficiários porque o Departamento Jurídico do Unafisco entendeu não ser necessária tal consulta. Isso porque será mantido o corpo do contrato, a cobertura e o prêmio do seguro. Nos próximos 90 dias, o Unafisco Sindical irá trabalhar simultaneamente com a Assefaz no sentido de esclarecer eventuais dúvidas dos associados. A partir desse prazo, as negociações devem ser feitas diretamente com a Assefaz. Maiores informações sobre a operação podem ser obtidas pelos telefones (61) 218-5236 (setor de Seguros do Unafisco) e (61) 218-0100 (Assefaz).

Desconto duplicado - Alguns colegas tiveram o desconto do seguro duplicado. O problema foi detectado já na prévia do contracheque e será corrigido no dia do pagamento, mediante depósito em conta corrente. Dessa forma a situação ficará regularizada. A falha ocorreu na migração dos valores do Unafisco Saúde para Assefaz, que resultou na cobrança duplicada. Dúvidas podem ser esclarecidas pelo telefone (61) 218-5232, com Hélio.

INÍCIO

Reunião define Oficinas Sindicais para 2005

Foi realizada ontem reunião telefônica da Coordenação das Oficinas Sindicais promovidas pela DEN. O formato das oficinas será o mesmo do ano passado sobre os temas: História do Sindicalismo, Papel dos Sindicatos na Conjuntura Atual e Análise da Reforma Sindical.

A Oficina 1 será realizada nos dias 25 e 26 de fevereiro, em São Paulo, destinada aos filiados do estado de São Paulo. Nos dias 4 e 5 de março será realizada a Oficina 2, sediada pela DS/ Florianópolis e destinada aos filiados da Região Sul. Para os filiados das regiões Centro-Oeste e Sudeste (menos São Paulo) será realizada a Oficina 3, nos dias 11 e 12 de março, em Juiz de Fora. Em Salvador será realizada a Oficina 4, nos dias 18 e 19 de março, para os filiados das regiões Norte e Nordeste.

A novidade para este ano é a realização de um treinamento para a formação de monitores das Delegacias Sindicais. Participarão do treinamento 15 pessoas indicadas pelas DSs. Este treinamento possibilitará às DSs a criação de um grupo de formação local, com um profissional capacitado para a condução de oficinas locais de formação sindical. A data das inscrições será divulgada em breve.

INÍCIO

Unafisco Saúde
Plano não consta em lista de planos irregulares apresentada pela ANS

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) divulgou recentemente no seu site o Índice de Reclamações (IR) do mês de novembro de 2004. O IR classifica as operadoras de plano de saúde pela quantidade de reclamações com indícios de irregularidades. O Unafisco Saúde não consta na relação dos planos com reclamações e irregularidades apontadas pela ANS.

As operadoras de planos de saúde estão divididas em três grupos, de acordo com o número total de beneficiários: entre 1 a 10 mil; entre 10.001 a 50 mil e mais de 50 mil beneficiários. O Unafisco Saúde está classificado pela ANS como uma empresa de pequeno porte (empresas que possuem até 20 mil associados), pois conta atualmente com 10.997 associados.

INÍCIO

Corpo de AFRF será sepultado hoje

O corpo do colega Sérgio Buchmann será sepultado hoje às 14h30, no Cemitério Israelita, no Vilar dos Teles, no Rio de Janeiro (RJ). O auditor, que tinha 50 anos e era casado com a AFRF Maryseth de Amaral, suplente do Conselho Fiscal do Unafisco, faleceu na noite da última quarta-feira, vítima de complicações cardíacas.

INÍCIO

DIRETORIA EXECUTIVA NACIONAL

ESPAÇO DAS DSs

DS/Brasília divulga resultado de Rifa

A Delegacia Sindical de Brasília-DF divulga no comunicado anexo a este Boletim o resultado da Rifa Beneficente vendida durante o IX Conaf.

INÍCIO

 

- DS/Brasília

 

 

Primeiro vice-presidente participou da assembléia em São Paulo
Em Brasília, diretores do Unafisco esclarecem colegas
Seguro de Vida
Assefaz assume carteira do Unafisco
Reunião define Oficinas Sindicais para 2005
Unafisco Saúde
Plano não consta em lista de planos irregulares apresentada pela ANS
Corpo de AFRF será sepultado hoje
ESPAÇO DAS DSs
DS/Brasília divulga resultado de Rifa
 

Boletim em
formato word